12 agosto 2007

Brasil: uma potência mundial.

O Brasil é uma das potências mundiais. Quem diz que o Brasil é um país pobre, não sabe o que fala! Estas afirmações são feitas com base nos números (IBGE, Balanço econômico nacional), que podem ser consultados no site do instituto:

(2004) - Produção: R$ 3.432.735.000.000 (três trilhões, quatrocentos e trinta e dois bilhões, setecentos e trinta e cinco milhões de reais).

(2004) - Consumo: R$ 1.766.477.000.000 (um trilhão, setecentos e sessenta e seis bilhões, quatrocentos e setenta e sete milhões de reais).

(2004) - Renda nacional bruta: R$ 1.883.017.000.000 (um trilhão, oitocentos e oitenta e três bilhões e dezessete milhões de reais).

(2004) - Produto interno bruto: R$ 1.941.498,000.000 (um trilhão, novecentos e quarenta e um bilhões, quatrocentos e quarenta e oito milhões de reais).

O Brasil é um dos maiores exportadores de produtos e de capital do mundo! Opa! Capital? Sim! O Brasil é um país capitalista, e como!


O Brasil exporta capital, ou seja, é um dos grandes investidores mundiais, mandando divisas ao mercado internacional, através de suas inúmeras multinacionais: SADIA, BUSSCAR ÔNIBUS S.A, CAMARGO CORREA, CIA SUZANO DE PAPEL E CELULOSE, CIA. VALE DO RIO DOCE, CITROSUCO PAULISTA S.A., COMPANHIA DE BEBIDAS DAS AMÉRICAS - AMBEV, COMPANHIA SIDERÚRGICA NACIONAL, DURATEX S.A., EMBRAER – Empresa Brasileira de Aeronáutica S.A., EMPRESA BRASILEIRA DE COMPRESSORES S.A. - EMBRACO, IKPC – INDÚSTRIAS KLABIN DE PAPEL E CELULOSE S.A., MARCOPOLO S.A., METALURGICA GERDAU S.A., ODEBRECHT, PETROBRAS, SABÓ INDUSTRIA E COMÉRCIO LTDA., SÃO PAULO ALPARGATAS S.A., SUCO CÍTRICO CUTRALE LTDA., TIGRE S.A. – TUBOS E CONEXÕES, USINAS SIDERÚRGICAS DE MINHAS GERAIS S/A – USIMINAS, VOTORANTIM ( Votorantim Participações)

Eu não sei por que pensava que o Brasil é um país pobre!
Que grande surpresa, estive enganado esse tempo todo.
Mas, então, qual é a explicação para as mazelas deste país?

A primeira delas é a corrupção (política e societal). O Brasil tem uma população políticamente desengajada; não protestam e, quando o fazem, são massacrados pelas forças públicas de segurança. A corrupção, assim, é prática rotineira, afinal, o povo é manso e... calado!

A segunda, reside no descompromisso da parcela intelectual brasileira que mama nas tetas do Estado ou vive acuada com medo de perder cargos/empregos/vantagens. Ora, trabalhador com medo é trabalhador subserviente e... calado!


A terceira, é uma juventude seduzida pelo mercado de consumo, os goods do sistema de exploração brasileiro. Quem os pode comprar, deseja assim continuar fazendo, às custas da miséria da maioria. Só existe miséria porque existe riqueza! E quem não pode consumir... bem, mata, rouba ou, simplesmente, aceita... calado! Ou você pensa que todo mundo que mora na favela é bandido?

A quarta, existe um memory hole no Brasil a ser constantemente preenchido diariamente com assuntos importantes: futebol, telenovelas, programas de entretenimento... Ou então, festas, carnavais, forrós e tudo enfim. Não é pela alegria que o povo brasileiro é conhecido internacionalmente? Somos tão simpáticos e... calados!

Eu poderia seguir em frente. Mas a mais importante razão para a nossa miséria é a elite estúpida e "competente" (competência em que mesmo?) que comanda este País! Dizer que o Brasil é um país pobre porque o brasileiro não é apto ao trabalho é uma alienação (alienação = "ignorar o Outro" - categoria: Lacan; psicanálise).

2 comentários:

Anônimo disse...

País rico e miserahvel. Uma lastima!!!!!!!!!!!!! Isso eh Brasil.

Manoel disse...

Olá Mestre,
Sinto muito a sua falta na faculdade. Defender os Direitos humanos está cada vez mais difícil a cá na nossa terrinha. Tivemos debates em sala de aula extremamentes "torquilhianos", mas muitos dos quais os colegas não cativaram pelo mesmo interesse de acção pró-activa no desenvolvimento social do nosso Estado.
Actualmente estou a ler a História da Loucura de Foucault. Estou me apaixonado pelo danado, compartilho muito com seus pontos de vista. No que se refere melhor ao que chamo de história geral da exclusão.

De Facto, o Brasil é uma potência de auto-sustento, por mais que o plano Nazi de tornar-nos celeiro do mundo não ter dado certo, deu certo. Digo, pois, para todo o mundo, não apenas para favorecer a economia alemã.
Ainda há um grande massacre político a ocorrer. Quando as massas se rebelarem recebendo a devida educação.
O que acontece na colónia é devido ao caso das segundas e terceiras inquisições, religiosas e militares. Repressoras e aceitas.
Nosso trabalho muitas vezes é cutucar nas próprias feridas e nunca perder a capacidade de indignação.
Crer no povo, antes é; crer em si.
abraços, do seu amigo, fã, aprendiz e colega.
Namastê,

Florêncio de Carvalho

Artigos selecionados

Supremo Tribunal Federal

Conselho Nacional de Justiça

Tribunal Superior do Trabalho

Tribunal Superior Eleitoral